segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Dicas para viajar mais barato

Utilize essas dicas e economize centenas de reias.






Viajar é algo que custa alguns reias, não tem como evitar. Porém, seguindo essas dicas é possível faze-lo sem gastar tanto.



  Guarde uma quantia de dinheiro mensalmente para sua viagem

 

 Aqui o ideal é que você reserve, todos os meses, uma parcela do seu salário ou rendimento para a viagem que planeja realizar. Quando chegar o final do ano, você já terá acumulado um valor que pode ser significativo para que sua viagem seja mais leve e sem preocupações financeiras. É mais fácil guardar todos os mês um pouco de dinheiro do que no final do ano, precisar desembolsar tudo de uma vez.

 Por exemplo, se você projeta que  férias vão custar 3000 reais, seria interessante dividir este valor por 12 para saber quanto poupar  em cada  mês. No caso do presente exemplo, seria algo em torno de 250 reais.


 Uma excelente estratégia consiste em aplicar esse dinheiro num investimento que tenha liquidez diaria, como,  por exemplo: o Tesouro Selic; um CDB de liquidez diária e  rentabilidade maior ou igual a 98% do CDI; ou o Fundo DI de taxa de administração menor ou igual a 0,5% ao ano  e rentabilidade maior ou igual a 98% do CDI.





Troque os seus pontos por milhas 

 

 Se você viaja com frequência ou compra muito com seu cartão de crédito, pesquisar sobre as opções de cartões e planos de fidelidade das companhias aéreas que lhe ofereçam milhas é fundamental.

 Caso você já tenha algum destes, deve estar atento às oportunidades de acumular milhas. Muitas Companhias fazem promoções onde ao comprar bilhete em determinado período do ano ou para um específico destino, você ganha milhas em dobro.

Outra boa ideia seria passar a fazer todas as suas compras com o cartão de crédito. Claro que aqui, presumimos que você tenha autocontrole e saiba lidar com o cartão para não acumular problemas e dívidas ao invés de milhas.

Dependendo do montante de milhas acumulado, você poderá viajar por um preço reduzido ou, até mesmo sem precisar completar o valor da passagem com dinheiro.

Caso você não tenha milhas suficientes para a viagem que pretende, ou elas estejam para expirar, troque-as por algum produto à sua escolha ou coloque-as à venda. O valor que você receber da venda, poderá ser usado para amenizar alguma despesa da sua viagem.





Escolha o meio de transporte que fique mais barato

 

 Depois de escolher seu  destino, é importante saber que meio de transporte lhe permite chegar à ele com o menor custo-benefício. Se a viagem for para muito longe,  o avião, provavelmente será a única opção. Se for para um local mais perto, pondere as despesas de uma viagem de carro, tendo em conta quantas pessoas irão com você. Se haveria hipótese de dividir o custo do combustível e de eventuais pedágios. Se você não for sozinho, viajar de carro certamente compensará em termos de despesas, em relação ao valor da passagem de ônibus.






Fique de olho no preço das passagens aéreas

 

O preço das passagens aeras muda muito. Sendo assim, é bom pesquisar com antecedência. Você deve visitar frequentemente os sites de passagens aéreas, se inscrever em sites ou utilizar aplicativos que lhe mantenha informado sobre promoções.

 Assim, quando surgir uma oportunidade, você já estará por dentro dos valores e saberá reconhecê-la e aproveitá-la, sem hesitar.





Se usar carro compartilhe o valor do combustível.

 

 Conforme falamos acima, viajar de carro pode representar uma grande economia. Compartilhar o valor do combustível é, sem dúvida, uma ótima dica para poupar dezenas, ou até mesmo, centenas de reais!

Por exemplo, se voce viajar até uma praia a 500km de distancia, você fará 1000km (500km para ir e 500km para voltar). Vamos supor que o seu carro consuma 1 litro a cada 10km. Para ir e voltar de viagem, você precisará de 100 litros de gasolina (1000/10). Como o litro está por volta de 4,20 reais, o custo total da despesa com combustível seria algo em torno de 420 reais (4,20 x 100). Se este valor for dividido entre todos os ocupantes do carro, imagine que sejam  4 pessoas, cada um pagará, apenas  105 reais, (incluindo ida e volta  - 52,5 cada viagem). Suas férias na praia ficarão bem mais em conta.







Procure uma casa em conta e compartilhe com algum amigo ou casais de amigos

 

 Existem sites que lhe permitem pesquisar casas, apartamentos e até quartos para alugar.

Procurando bem, é possível encontrar excelentes preços e  oportunidades que se adequem às suas necessidades. Uma pesquisa bem feita pode lhe fazer poupar muitos reias.  

 Se pretende viajar com a família ou um grupo maior de pessoas, alugar uma casa grande pode ser interessante. Ao invés de diárias em hotéis, o valor do aluguel dividido por todos será bem menor.

Há a hipótese de distribuir entre todos as tarefas ou de fazer uma vaquinha para contratar uma diarista ou uma pessoa para preparar as refeições e cuidar da limpeza.

Outra alternativa são os hósteis, (albergue) onde o preço costuma ser muito bom, se comparado com hotéis. Vale a pena pesquisar para ver se no destino escolhido existe algum deles.






Compre coisas no supermercado e cozinha em casa, leve um lanche quando sair

 

 Comer em bares e restaurantes acaba ficando muito caro. É que, além dá comida, ainda tem a cerveja.

Duas pessoas almoçando na praia e jantando em restaurantes gastam, facilmente, cerca de mais de 100 reais por dia (50 reais para cada uma). Em 7 dias, só com alimentação, gastariam mais de 700 reais. E nem falamos sobre o café da manhã...

Fazendo compras em supermercados e cozinhando em casa, você economiza bastante. Você pode tomar muito mais cervejas e gastar bem menos se comprá-las no supermercado e levá-las numa caixa de isopor para a praia.






ATENÇÃO: Escolha alguém com que tenha afinidade


Ao escolher alguém viajar com você, é importante que você se sinta confortável para fazer suas escolhas. É importante que você e seu companheiro de viagem estejam na mesma sintonia. Por exemplo: que ambos estejam dispostos a viajar, se divertir, porem sem extrapolar nos gastos.

Caso sua companhia esteja numa situação diferente ou simplesmente pense de forma diferente (prefira sempre comer fora, ir a lugares caros) é fundamental que haja para ambos a liberdade de fazerem suas escolhas sem prejudicar o clima da viagem.

Ainda que seja interessante e econômico dividir hospedagem e combustível, se viajarmos com uma pessoa que nos impõe gastar com coisas que não consideramos prioridade, a viagem acabará saindo mais cara e desgastante...

Estamos chegando ao final de mais um ano... espero que estas dicas sejam úteis para suas férias deste ou do próximo ano!




12 comentários:

  1. Boa dicas DIL!

    Vou pesquisar se tem algo bom no airbnb para esse fim de ano hehe

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário

      Faz isso, com uma boa pesquisa consegue-se ótimos preços.

      Abraço e boas férias

      Excluir
  2. Essa dica de comprar em supermercado para levar para o hotel eu já fiz muito na minha vida :P

    São dicas interessantes, valeu! Ah, já votei na enquete do 13o salário!

    Abraço do DM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário e por ter participado no enquete

      Faz muito bem em comprar no supermercado, poupa-se muitos reais.

      Abraço e boas férias

      Excluir
  3. Ótimas dicas DIL! Já utilizo as milhas para viajar nas férias. Basta ser organizado para acumular uma quantidade anual considerável.

    Um grande abraço e um ótimo final de ano para vc e sua família!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário!

      Fico contente em saber que você já adota esta estratégia. Desejo uma boa viagem de férias!

      Abraço e sucesso!

      Excluir
  4. Isso aí Dil.

    Essa das milhas eu já usei bastante. Hoje não uso mais cartão. Mas na época eu ganhei muitas milhas mesmo. Até vender eu vendi.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário!

      Então você aproveitou bastante esta estratégia.

      Abraço e boas férias!

      Excluir
  5. Boas dicas. O que você acha dos sites que vendem e aproximam negociadores de milhas? Fiz o cadastro em uma, mas ainda não negociei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário!

      Acho muito interessante. No entanto, recomendo ter atenção. Seria prudente entrar em contato com pessoas que já utilizaram o site para averiguar se é confiável.

      Você também pode consultar no site "reclame aqui" para saber se há reclamações sobre o site em que você fez seu cadastro.

      Abraço e boas férias.

      Excluir
  6. Otimas dicas.. Eu também sou daqueles que dá muito uso às milhas

    ResponderExcluir